O tempo escasseia...


O tempo escasseia…. Cientistas, ”profetas”, falam do fim dos tempos ou melhor dizer o fim de uma civilização. Já entramos no novo ciclo e na nova era, a era de Aquário.

Nestes tempos conturbados, de grandes mudanças a nível da humanidade, a nível do planeta, a nível das consciências, precisamos mudar o nosso nível de ser, o nosso nível de vibração.

Para que isso aconteça precisamos efectuar uma transformação interior, trabalhar sobre nós mesmos. É necessário mudar a nossa forma de pensar, de agir, de falar. Tomar continuamente consciência das nossas dúvidas, medos, sofrimentos, tristezas, a nossa falta de fé e confiança em nós-mesmo.

Esse trabalho deve ser constante com a ajuda da força de vontade, da coragem, da persistência para nos transformar, criando e cultivando a paz, a alegria, a sabedoria, a harmonia, o Amor, com a consciência do nosso sol interior.

Neste blogg podem encontrar alguma orientação. Mas o site http://www.ducielalaterre.org/ é muito mais completo.

Anna Carolina

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Um grande desafio

 
14/11/2015

«Não falaremos muito do que, de momento, vos entristece porque não é muito apropriado no que desejamos de vocês e no que desejamos oferecer-vos.

No entanto é necessário falar um pouquinho do que afecta actualmente os seres humanos. Não falaremos no que toca à vossa pequena França, essa pequenininha parte do vosso planeta que retalham a gosto. Diremos simplesmente o seguinte:

Têm a possibilidade de acabar com tudo isso, não só pelos vossos comportamentos pessoais, mas também, e sobretudo, pelo olhar que têm em relação à vida e em relação a tudo o que vos rodeia.

Actualmente, os seres humanos estão perante um grande desafio; serão eles capazes de ultrapassá-lo? Os seres humanos têm à sua frente uma grande viragem; serão eles capazes de a fazer?
A nossa tristeza não é a mesma que a vossa, mas diremos na mesma com tristeza: será preciso mais, e muitas outras coisas muito difíceis de viver para a humanidade antes que ela possa realmente funcionar na fraternidade!

Claro, são feitas tomadas de consciência a todos os níveis, mas as tomadas de consciência de todos aqueles que gerem os países serão de pouca duração ou serão tomadas de consciência que poderão durar no tempo e levar a uma grande transformação da vossa sociedade humana?

Dissemos muitas vezes que o vosso planeta é uma escola. Essa escola está a evoluir, e evoluem com ela, isto quer dizer que muitas coisas que aprenderam durante as vossas encarnações sucessivas neste mundo não será mais preciso aprendê-las porque irão realmente para outra coisa. Vão para um maior conhecimento de vós mesmos, um maior conhecimento de todos os mundos que vos rodeiam e de todo o Universo.

Actualmente, no vosso planeta, há cada vez mais seres humanos que acreditam no que somos, em nós, vossos irmãos galácticos. (é o que expressamos através deste transmissor). Claro, ainda há seres humanos que têm medo do que representamos. Alguns são ignorantes, e outros têm receio de perder o seu poder e o seu dinheiro, sagrado para eles.

É preciso que as mentalidades mudem! É preciso que os seres humanos tenham realmente a vontade de ir numa outra direcção, aquela que começaram a usar depois de 2012.

2012! Essa data que fez correr muita tinta, gerou muitos medos mas também muitas esperanças. Há algum tempo dissemo-vos que 2015 era o pendente de 2012, isto quer dizer que 2012 abriu uma porta e que 2015 vos leva para uma outra direcção.

Gostaríamos que vissem tudo o que acontece actualmente (que infelizmente, continuará durante um certo tempo) do lado positivo, por mais terrível que seja!

Qual é o lado positivo do que aconteceu no pequenino país que é a França? É que os seres humanos, na sua grande maioria, tomaram consciência que ninguém e que nenhum país está livre do que chamam terrorismo e que, pouco a pouco, (não logo claro) os seres humanos começarão e reflectir.

Isso os levará a evoluírem no bom sentido, o da entreajuda, o da fraternidade, o do profundo desejo de viverem na paz!

Um ser humano que vem à Terra não tem vontade de viver no sofrimento! Não tem vontade de viver no medo! Não tem vontade de viver sempre na inquietação! Para que possa evoluir, também é-lhe necessário um ambiente propício à sua evolução.

Na escola da Terra, poderiam evoluir muito facilmente, sem terem que passar por todas as experiências difíceis, mas os seres humanos são um pouco preguiçosos, por vezes é preciso abaná-los para que avancem, para se questionarem e compreenderem.

Cada vez mais a vida lhes fará tomar consciência do que querem e do que não querem mais. Os habitantes da França, como todos os habitantes deste mundo, não quererão mais daquilo a que chamam terrorismo (que vai realmente se tornar internacional).

Quando não querem realmente uma coisa ou uma situação, juntam-se para fazer frente ao que não querem mais, agem em função das situações difíceis para que não continuem no tempo. Mais uma vez, como dizem na Terra, “ há males que vêm por bem” !

Não vemos o que aconteceu da mesma forma que vocês, mas de momento vemo-lo com os olhos dos terráqueos; diremos simplesmente que para compreenderem melhor certas atrocidades, é preciso tentar dizer-vos que por trás delas haverá um despertar espiritual da humanidade, isto é, o despertar da fraternidade.»
 

Pode reproduzir o texto seguinte e dar cópia dele sob a seguinte condição:
  • que não seja cortado
  • que o seu conteúdo não seja modificado
  • que faça referência ao nosso site http://ducielalaterre.org
  • que o nome de Monique Mathieu seja mencionado

Sem comentários:

Enviar um comentário