O tempo escasseia...


O tempo escasseia…. Cientistas, ”profetas”, falam do fim dos tempos ou melhor dizer o fim de uma civilização. Já entramos no novo ciclo e na nova era, a era de Aquário.

Nestes tempos conturbados, de grandes mudanças a nível da humanidade, a nível do planeta, a nível das consciências, precisamos mudar o nosso nível de ser, o nosso nível de vibração.

Para que isso aconteça precisamos efectuar uma transformação interior, trabalhar sobre nós mesmos. É necessário mudar a nossa forma de pensar, de agir, de falar. Tomar continuamente consciência das nossas dúvidas, medos, sofrimentos, tristezas, a nossa falta de fé e confiança em nós-mesmo.

Esse trabalho deve ser constante com a ajuda da força de vontade, da coragem, da persistência para nos transformar, criando e cultivando a paz, a alegria, a sabedoria, a harmonia, o Amor, com a consciência do nosso sol interior.

Neste blogg podem encontrar alguma orientação. Mas o site http://www.ducielalaterre.org/ é muito mais completo.

Anna Carolina

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013


A compaixão

A compaixão é um tema muito vasto, é um tema quase tão vasto como o do Amor. A compaixão destina-se a vários níveis de consciência. Vocês podem explicar a compaixão com o intelecto, ou seja colocar frases muito compreensíveis e agradáveis que vos ajudarão a compreender neste nível, mas não vos levará, necessariamente, a tomar consciência a nível do coração.

 

O que gostaríamos de vos fazer compreender é que devem ser tolerantes para ter compaixão. A compaixão só pode realmente criar raiz em vocês quando fizerem uma boa abordagem, uma grande limpeza em vos mesmo, e a boa abordagem é trabalhar dia após dia, hora após hora, minuto após minuto, segundo após segundo para vos amar. Não podem ter uma verdadeira compaixão pelos outros, se não gostarem de vós mesmo, e se não tiverem compaixão para todos os vossos desvarios, para todos os vossos erros.

 

Temos tanta compaixão para vocês!

 

A compaixão é aceitar totalmente os outros como eles são, a compaixão é ajudá-los sem eles saberem, a compaixão é pedir ao Pai para ajudar os seres em apuros, a compaixão é o trabalho constante que fazem em vós mesmo que automaticamente tem uma influência sobre todos aqueles que vos rodeiam.

 

Falamos muito da compaixão, voltaremos a falar muito dela pois é uma energia á desenvolver em vocês. Quando compreenderem realmente o que ela é, não precisarão mais de falar dela, será adquirida, fará parte de sua vida diária. Deixarão mesmo de pensar em qualquer compaixão que poderão ter para esta ou aquela pessoa, acontecerá em você uma troca de energia sem passar e nem manifestar-se pela mente.

 

Enquanto pensarem numa qualidade da alma, é que ainda não se manifestou no vosso coração, ela ainda está ao nível da vossa mente. Quando deixam de pensar e que dão sem pensar, a qualidade manifestou-se no vosso coração quando vocês pensam enviar Amor, ainda estão numa parte da vossa mente (e também uma parte do coração).

 

No dia em que terão integrado totalmente essas noções de Amor, de compaixão, é que o vosso coração falará sem passar pela vossa mente. Isto ainda não é para agora pois precisam de equilíbrio entre o coração e a mente, entre o coração e o intelecto. Esta mente é um trampolim. Quando não vão precisar mais desse trampolim, deixarão de fazer as mesmas perguntas. Estarão realizados tanto quanto o podem faze-lo neste mundo, estarão realizados no Amor e oferecerão este Amor diariamente sem que seja preciso que se perguntem como o podem manifestar, a quem devem manifestá-lo. Ele se manifestará por ele mesmo sem a necessidade de intervir. Isto é importante que vos dizemo-lo.

 

Até que chegue esse abençoado dia, é necessário que falam mais e mais de compaixão, é preciso que falem mais e mais da tolerância, devem falar mais e mais do desapego, é preciso que falem mais e mais dos vossos estados de alma, porque é manifestando-os através da palavra que poderão melhor os integrar a nível do coração e que poderão manifestá-los melhor.

 

 

Estas são as ferramentas postas ao vosso alcance, à vossa disposição, para ancorar melhor todas as qualidades da alma e poder irradia-las melhor a vossa volta.

 

Às vezes, dizemos vos que são seres maravilhosos, que são seres cheios de coragem e Amor, e às vezes dizemos que não estamos muito satisfeitos com o vosso comportamento. Vamos vos explicar em relação á este paradoxo.

 

A certo nível de consciência, poderíamos dizer que têm feito grandes progressos, investiram-se totalmente nesta abordagem espiritual, nesta abordagem que vos leva realmente no caminho da Sabedoria e do Amor. Num outro nível de consciência, para nós, vocês ainda estão um pouco adormecidos e dizemos um pouco porque vos amamos muito, também poderíamos dizer que vocês têm apenas uma pálpebra entreaberta. Enquanto estarão totalmente ocupados com as vossas preocupações, as vossas pálpebras serão apenas entreabertas.

 

Às vezes, vocês têm momentos de grande lucidez, momentos em que os vossos olhos se abrem, mas as vossas pálpebras estão tão pesadas, os vossos olhos fecham-se muito rapidamente. Quando os vossos olhos estão abertos á luz, ao Amor incondicional, vocês percebem esta Luz e este Amor incondicional que penetram directamente no vosso coração e ficam com nostalgia. A partir do momento em que sentiram essa Luz e esse Amor incondicional, o Amor do vosso Pai Divino, o Amor da vossa Divindade, vocês ficam com um único desejo, é de abrir os olhos sobre sua presença. A vida é tão pesada no vosso mundo que as pálpebras fecham-se muito rapidamente e é um trabalho constante que ficar com as pálpebras abertas o maior tempo possível, um trabalho de cada minuto, de cada hora, de cada dia que pede muita coragem, muita determinação para poder olhar a Luz e integrar o Amor.

Vocês conseguem-no, estão no caminho certo. Aconteça o que acontecer, mesmo que durante alguns segundos os vossos olhos se fecham, não fiquem desesperados. Vocês são filhos da Luz que devem reencontrar a Luz, vocês são filhos do Amor que devem reencontrar o Amor, o Amor em vocês e o Amor a vossa volta.

Falamos de Amor mil e uma vez, falamos de Sabedoria mil e uma vez, falamos de conhecimento mil e uma vez, e voltaremos a falar mais e mais até que tudo toma realmente corpo em vocês, até que as vossas pálpebras possam ficar abertas o mais tempo possível para contemplar, para integrar esta Luz e Este Amor.

Nunca nos cansaremos de vos dizer: precisamos de vocês. O mundo precisa de vocês. Precisamos dos filhos da Luz encarnados no planeta Terra para nos ajudar a transforma-la, para encorar a Luz e o Amor para os libertar definitivamente da escuridão que os envolve, que os rodeia.

Seria necessário miliares, milhões de seres como vocês, unidos no mesmo desejo, levados pela mesma força, esta força de Amor, este desejo de compreender, este desejo de se elevarem, este desejo de se abrirem, este desejo se servir a Luz Divina, este desejo de ancorar p Amor Universal. De facto, existem muito no mundo mas não chegam. Quanto mais houver Filhos de Luz activos no mundo, mais depressa terá lugar a transformação.
S d L

Sem comentários:

Enviar um comentário